Vivendo pelos princípios de Deus

image_pdfimage_print

Texto: I Co.15:58- Portanto, meus amados irmãos, sede firmes e constantes, sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que o vosso trabalho não é vão no Senhor.

Início: Nossa alma é como um jardim ou um ‘ventre’, reproduz os pensamentos e eles se expandem. Uma vez que um padrão de pensamento é semeado na nossa mente e o temos regado com a vida de Cristo através da Palavra e ministério do Espírito, ele enraíza e cresce para proporcionar direção, discernimento e a verdadeira sabedoria para que se possa aplicar o senhorio de Cristo em todas as áreas da vida. Um padrão de pensamento é um hábito, um canal ou um processo de conectar ideias de acordo com generalizações que expressam a nossa alma. Essa é a razão porque é tão importante ter princípios e padrões de pensamentos que expressem diretamente a natureza de Cristo. A bíblia diz que “O mundo jaz no maligono”, então temos que entender que ele(mundo) não tem nada de bom prá nos oferecer, e daí vem a necessidade urgente para que os princípios da Palavra de Deus norteiem a nossa caminha cristão e sendo assim apresentamos 7 princípios que nos farão abundar no serviço do Senhor.

1. O Princípio da Individualidade de Deus: Todas as coisas no universo de Deus revelam Sua infinitude e diversidade. Cada pessoa é criação única de Deus destinada a expressar a natureza da individualidade de Cristo na sociedade. a. Há somente um Deus. Ele é o Criador do universo. Deus é infinito, onisciente, diverso e único. Cada um reflete a sua individualidade. Como obras de Deus, cada indivíduo possui nobreza, dignidade e valor eterno. Deus me criou único. Sou especial, a ninguém igual. Deus tem um plano para minha vida, Ele me fez segundo Seus propósitos.(Ef.2:10: Porque somos feitura sua, criados em Cristo Jesus para as boas obras).

2. O Princípio Cristão de Autogoverno:

De maneira simples, o princípio Cristão do autogoverno começa com Deus reinando internamente do coração do crente. Para que haja verdadeira liberdade, o homem deve ser governado internamente pelo Espírito de Deus e não por forças externas. O Governo é primeiro individual, e daí se estende à casa, igreja, comunidade e nação. 1 Timóteo 3:5: Porque, se alguém não sabe governar a sua própria casa, terá cuidado da igreja de Deus?

“O autogoverno Cristão é o senhorio de Cristo operando no crente

3. Caráter Cristão: “Mas todos nós, com rosto descoberto, refletindo como um espelho a glória do Senhor, somos transformados de glória em glória na mesma imagem, como pelo Espírito do Senhor.” II Co 3:18

O Caráter Cristão é a imagem de Deus que gravada internamente no indivíduo traz domínio e mudança ao seu ambiente externo. O modelo de caráter a ser seguido é o de Jesus Cristo. Podemos imitar pessoas, desde que elas sejam imitadoras de Cristo. “Sede meus imitadores, como também eu o sou de Cristo.” I Co 11:1

4. Mordomia (propriedade): Deus requer mordomia fiel de todos Seus dons, especialmente o da propriedade interna da consciência. Ela é a ferramenta do autogoverno à medida que cada criança aprende a revelação do consentimento. Cada indivíduo governa sua vida através do consentimento voluntário de fazer o que é certo ou errado. Significa valorizar suas convicções e consciência acima de todas as possessões exteriores, até mesmo a própria vida. A propriedade começa com a responsabilidade e produtividade individuais – mordomo primeiro, e então proprietário. Propriedade é a responsabilidade individual e mordomia individual. Um relacionamento correto entre os homens requer a proteção de ambas as propriedades: interna e externa.

5. Soberania: Governo é o fluir de poder e autoridade. A fonte de toda autoridade, lei e governo encontra-se em Deus e é definida em Sua Palavra. O Deus Criador é o regente soberano do mundo. Quando entendemos que Deus tem o controle de tudo e que todo o poder supremos está Nele, nos submetemos a sua vontade.

 O único soberano absoluto é Ele. Nossas decisões precisam da direção da Sua vontade através da decisão voluntária do nosso coração.

6. Semeadura e Colheita: Este princípio começa quando temos fé interna em Sua palavra e obedecemos. Cremos que podemos acreditar nas conseqüências. Esta fé nos leva a obedecer a Deus, interna e externamente. Quando duvidamos da sua palavra e desobedecemos, ou quando nos orgulhamos e desprezamos sua orientação e decidimos pelo nosso próprio caminho, o nosso fruto não será o crescimento, mas sim o declínio. Marcos 4:26-29: E dizia: O reino de Deus é assim como se um homem lançasse semente à terra. E dormisse, e se levantasse de noite ou de dia, e a semente brotasse e crescesse, não sabendo ele como. Porque a terra por si mesma frutifica, primeiro a erva, depois a espiga, por último o grão cheio na espiga. E, quando já o fruto se mostra, mete-se-lhe logo a foice, porque está chegada a ceifa. O Novo Testamento confirma o fato de que colheremos o que semeamos e onde também semeamos fará diferença. Assim, onde semearmos, colheremos. O praticar de um bom governo de acordo com os princípios de Deus, onde quer que esteja, a todas as áreas da vida, promoverá colher bênçãos dadas por Deus. Submissão a Deus e à Sua Palavra é a semente do autogoverno local. A semente é plantada primeiramente na família, uma das esferas de governo ordenadas por Deus, na qual os pais devem tomar responsabilidade de educar os filhos para o autogoverno.

7. Aliança – Unidade/Aliança: União voluntária resulta quando Deus trabalha através de homens de caráter cristão para que amem ao próximo, respeitem sua propriedade, e vivam debaixo das justas leis em uma república cristã.

Nossa Aliança com o Senhor é uma aliança de Vida Eterna, no qual temos direitos e deveres. “Pois assim como em um corpo temos muitos membros, e nem todos os membros têm a mesma função, assim nós, embora muitos, somos um só corpo em Cristo, e individualmente uns dos outros.

Conclusão: Viver por princípios bíblicos nos afasta do pecado e recebemos(Jo.10:10) a Vida Abundante que Jesus nos prometeu para todos aqueles que são fiéis. Temos vivido dias difíceis, mais não podemos esquecer das promessas de Deus em nossas vidas e Ele mesmo nos garante que Nele nós já somos mais do que vencedores. Decida hoje mesmo mergulhar nos princípios da Palavra de Deus, porque eles são uma bússola para que você não venha errar o caminho e para que satanás não tenha nenhum poder sobre a sua vida. Creia que Deus está ouvindo a tua oração e através do Espírito Santo você conquistará tudo aquilo que Ele já tem preparado para a sua vida. Amém

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *