A quem confiarei?

image_pdfimage_print

TEXTO: Sl.116:12-14- Que darei eu ao SENHOR, por todos os benefícios que me tem feito?13 – Tomarei o cálice da salvação, e invocarei o nome do SENHOR.14 – Pagarei os meus votos ao SENHOR, agora, na presença de todo o seu povo.

Início: O autor do salmo 116 não é conhecido e não sabemos, apesar de termos algumas pistas, deve ter sido escrito pós exílio babilônico, mas este salmo trás uma realidade espiritual bem interessante, e talvez cada um de nós, diante de nossa caminhada cristã possa ter passado por essas situações. Então podemos dizer que esse salmo é bem atual e chama a nossa atenção, para um posicionamento espiritual diante de uma salvação que Deus nos oferece, através de Jesus Cristo, nosso único e suficiente salvador.

Desenvolvimento: O salmista no início do salmo declara o seu amor e fidelidade ao Senhor, diante de sofrimentos e provações que passou, pode experimentar a boa mão do Deus todo poderoso a seu favor, e pelo que vemos não foram poucas e sim tantas que quase o levaram a morte. Mas mesmo assim ele reconhece que Deus é poderoso e em todo tempo está protegendo a sua vida, e não há outra maneira de demonstramos isso a Ele, a não ser nos rendermos integralmente a Yeshua Hamashia, aquele que vice para todo o sempre.

Nos versos 12 a 14 temos uma das maiores e mais lindas declaração de amor ao Grande Eu Sou, pois o salmista faz uma pergunta e ele responde a essa pergunta. Que darei ao Senhor por todos os seus benefícios que tem feito para comigo? Notemos que antes, ele fala de todas as suas lutas e provações. Ai ele responde com uma declaração de Amor ao Senhor. Tomarei o cálice da salvação e invocarei ao Senhor, na presença de todos. O salmista tinha a sua confiança do Deus da salvação, aquele que nos amou, quando ainda estávamos no pecado, e ainda mais agora que já somos seus filhos, porque um dia confessamos a Jesus como nosso salvador e Senhor pessoa(Gl.3:26-29- Porque todos sois filhos de Deus pela fé em Cristo Jesus.27 – Porque todos quantos fostes batizados em Cristo já vos revestistes de Cristo.28 – Nisto não há judeu nem grego; não há servo nem livre; não há macho nem fêmea; porque todos vós sois um em Cristo Jesus.29 – E, se sois de Cristo, então sois descendência de Abraão, e herdeiros conforme a promessa).

Conclusão: O salmista trás um testemunho poderoso de quem é Deus em sua vida, independente das circunstancias e dificuldades e que acima de tudo vale a pena confiar em Deus e entregar-lhe sacrifícios de louvor, porque Ele tem cuidado de nós(Sl.23:4-6- Ainda que eu andasse pelo vale da sombra da morte, não temeria mal algum, porque tu estás comigo; a tua vara e o teu cajado me consolam.5 – Preparas uma mesa perante mim na presença dos meus inimigos, unges a minha cabeça com óleo, o meu cálice transborda.6 – Certamente que a bondade e a misericórdia me seguirão todos os dias da minha vida; e habitarei na casa do SENHOR por longos dias). Que possamos a cada momento trazer a memória aquilo que nos trás esperança e não desmotivar diante das batalhas que temos enfrentado, porque o Senhor é a nossa justiça e o Todo Poderoso é quem lutará por nós. Amém

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *