Não me envergonho do Evangelho

image_pdfimage_print

Texto:Porque não me envergonho do evangelho de Cristo, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê; primeiro do judeu, e também do grego.” (Romanos 1:16)

INÍCIO: O que vem a tua mente quando você pensa em passar vergonha? Se embaraçar, é se confundir com algo, , se humilhar, se comprometer com algo. Enfim podemos dizer que é, passar uma situação constrangedora fruto de algo ou de alguém. Então o que o Ap. Paulo nos fala aqui, dando até mesmo um testemunho da sua nova natureza, que ele recebeu de Cristo Jesus nosso Senhor, que nessa nova natureza a “Vergonha” não fazia parte da sua vida, porque Ele sabia muito bem a nova identidade que ele tinha recebido da parte do Senhor. Não somos qualquer pessoa, nossa natureza foi renovada no calvário. Quando Cristo nos redimiu, Ele nos deu direito a uma nova natureza e vestes novas ao velho homem, agora renovado e composto de uma outra autoridade. Carregamos uma mensagem que não é nossa, é um Evangelho que só funciona na sua totalidade, ou é tudo ou não é nada(II Co.5:17- Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo). E olha, eis que te digo meu servo: se for pregado aos perdidos, e ministrado aos salvos, é capaz de trazer a salvação e a santificação.

Esse Evangelho é maravilhoso nos deu direitos, porque nos trás a herança de uma vida Eterna na presença de Deus Pai, mas juntamente a ele, o dever de caminharmos em retidão e santidade(Fl. 2:13-15- Porque Deus é o que opera em vós tanto o querer como o efetuar, segundo a sua boa vontade.14 – Fazei todas as coisas sem murmurações nem contendas;15 – Para que sejais irrepreensíveis e sinceros, filhos de Deus inculpáveis, no meio de uma geração corrompida e perversa, entre a qual resplandeceis como astros no mundo); e nossa vida ser um marco do Céu na Terra, para que a vida de Deus se manifeste não só em nós, mas principalmente naqueles que estão precisados de uma boa notícia, que estão caminhando por aí, talvez em busca de algo que dê sentido a sua vida. Esse é o Evangelho de Cristo, não podemos nos envergonhar dele, pelo contrário, por causa desse Evangelho fomos feitos justiça de Deus.

Rm. 1:16/17- “Porque não me envergonho do evangelho de Cristo, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê; primeiro do judeu, e também do grego. Porque nele se descobre a justiça de Deus de fé em fé, como está escrito: Mas o justo viverá pela fé.”.

Mas o que é Não se envergonhar do Evangelho de Cristo?

É aceitar a integridade do Evangelho e não procurar colocar enfeites para sermos aceitos. Existem novas Igrejas, usam algumas ferramentas de evangelização para atrair público, se essa isca for para salvar perdidos, amém, porém Jesus nunca ofereceu um evangelho raso e barato, como se não estivéssemos a dar tudo o que temos, ou seja, o nosso coração. Jesus quer mudar toda a nossa história e não apenas reforçar caráter distorcido.

Tem uma música que cantamos há muito tempo e muitas vezes, que continua sendo uma história verdadeira em nossas vidas “Neste lugar tú és Senhor, vou me entregar totalmente. O teu toque abriu os olhos do meu coração. Eu posso enxergar e, entender.

Se eu me humilhar, Diante do teu altar. E sacrificar aquilo que me custar. Tu inclinarás os Teus ouvidos ao meu clamor. E assim continua a oração, que deve ser a minha e a tua, crendo que o Senhor tem preparado muito mais do que pensamos, sonhamos ou esperamos, porque Ele fiel para cumprir tudo o que nos prometeu. Amém.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *